domingo, 13 de fevereiro de 2011

As Crônicas De Nárnia - C. S. Lewis


Mais um clássico da Literatura Fantástica. As Crônicas de Nárnia de C. S. Lewis, parecem ter similar importância à obra do genial J. R. R. Tolkien na Inglaterra em meados do século XX. Mas a semelhança entre esses autores não termina em suas nacionalidades. Ambos, além de ingleses, tem em suas obras máximas, uma forte influência cristã (em Lewis essa influência é bem mais explícita), além da criação de um universo mágico, onde criaturas das mais diversas espécies convivem juntas.
Lewis cria em Nárnia, um lugar perfeito, onde os animais falam e seres mitológicos e reais dividem o mesmo espaço, mantendo uma forte amizade e uma doce harmonia. Mas o que seria Nárnia?
Nárnia é um território de paz, criado pelo sábio Leão Aslam (uma clara alusão ao Deus cristão) depois de um belo canto (o que lembra também a origem da Terra Média de Tolkien, criada após Eru dar vida aos Ainur, que com suas melodias perfeitas realizam a criação, como descrito no magnífico Silmarillion), que deu origem a todas as coisas existentes.
As duas primeiras crônicas (ligadas ao primeiro filme), colocadas nessa ordem (que não é cronológica, já que a primeira aventura escrita em Nárnia foi “O Leão, A Feiticeira e o Guarda Roupa”) por vontade do próprio escritor, mostram essa origem do universo, como a Bruxa branca chegou em Nárnia e como se deu o retorno de Aslam e a guerra contra as hordas da temida bruxa.
Talvez a principal diferença entre Lewis e Tolkien, seja o público alvo ao qual suas obras foram direcionadas. Enquanto as aventuras na Terra Média são direcionadas a um público que está transitando da infância para a idade adulta, essas duas primeiras crônicas de Nárnia são claramente direcionadas às crianças. A quase ausência de violência e a colocação de crianças como personagens centrais da história corroboram isso. Mas isso, com certeza, não impedirá os marmanjos, fãs dessa chamada Literatura Fantástica, de se deliciar com o livro.
Boa leitura e preste atenção ao abrir o seu guarda roupa de agora em diante, pois quem sabe ele pode ter sido construído com algum material mágico e levá-lo a aventuras inimagináveis? Caso isso não ocorra, abre o livro e faça isso da maneira mais fácil.

PS: Você pode optar pela série (7 livros) ou pelo volume único (750 páginas).

                                                                                                                                                     Resenha escrita por Vladimir de Sousa


24 comentários:

  1. As crônicas de Narnia é uma saga incrível, li quando tinha 14 e amei!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com vc, querida.
      A Saga as Crônicas de narnia, é o melhor filme.

      Excluir
  2. CS Lewis é ótimo, mas Tolkien é GENIAL! ;D

    ResponderExcluir
  3. Não sabia que tinha esse volume único, eu quero!! *-*

    ResponderExcluir
  4. Poxa, já ouvi tanta gente falar bem desse livro mas nunca li :( mimimi

    ResponderExcluir
  5. Só pela capa já da vontade de ler :O

    ResponderExcluir
  6. Adoro literatura fantástica, bom demais!

    ResponderExcluir
  7. Tolkien não é ingles, ele é sul-africano naturalizado ingles, o que é bem diferente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Clive Staples Lewis (1898-1963), natural de Belfast, Irlanda.

      Excluir
  8. Eu ganhei de presente o volume único. Se você viu o filme e nao gostou, leia pq o livro é bom. Se viu e gostou, leia porque muita coisa muda, e é mtooooooooo melhor :D

    ResponderExcluir
  9. Amo caminha na literatura narniana!! =)
    Exclente teu blog!

    ResponderExcluir
  10. Comprei o volume único por 12,90 no Submarino, compensou cada centavo dessa saga que amo há anos.

    ResponderExcluir
  11. Só uma dica pra quem gostou da capa: por dentro é beeem melhor ! haha.

    ResponderExcluir
  12. Você esqueceu de citar que Tolkien e Lewis eram amigos, inclusive trocavam correspondências sobre suas obras-primas.

    ResponderExcluir
  13. Anônimo disse...
    Tolkien não é ingles, ele é sul-africano naturalizado ingles, o que é bem diferente


    Certo, mas na resenha diz que A NACIONALIDADE DELE é inglesa. Não tem nada de errado. Você, Anônimo, que se equivocou.

    ResponderExcluir
  14. Tenho o volume único. É PERFEITO! *--*

    ResponderExcluir
  15. Alguém sabe onde eu posso comprar os livros separados , todos ?

    ResponderExcluir
  16. é um livro maravilhoso, muito bom mesmo..
    essas histórias fizeram parte da minha infância, e são hoje muito importantes pra mim.

    ResponderExcluir
  17. Tanto Tolkien e C. S. Lewis eram bons no que faziam: escrever.
    As suas historias são excelentes. Eu tenho todas as obras de Tolkin (triologia O Senhor dos Aneis, O Hobbit, Silmarilion, etc). As obras de C. S. Lewis jão li em .pdf As Cronicas de Narnia, mas mesmo assim quero comprar os livros.

    ResponderExcluir
  18. C. S Lewis também não é Inglês, é Irlandês!

    ResponderExcluir
  19. O único problema e que a maioria morre

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...